Trabalhadores do Brasil

Todos sabem como foi o final de 2012 no país, como todos os outros, né? Com correria, shoppings lotados, todos atrás de presentes, uns saindo ou planejando as férias, ou já descansando, também preocupados em utilizar o 13º salário para pagar o IPVA, IPTU e outros impostos que infelizmente fazem parte da nossa realidade. Ah! Também tivemos a ótima notícia do nosso Governo Federal, o aumento do salário mínimo! Esse passou de R$ 622,00 para R$ 678,00. Um aumento nada significativo!

No mesmo período, fomos contemplados com a seguinte notícia: “Congresso concede reajuste de 61,8% no salário de senadores, deputados, ministros, presidente e vice-presidente da República.” Enquanto o aumento dos trabalhadores significou 9%, o dos nossos parlamentares sofreu um reajuste de 61%. Então, o salário de um deputado federal passou de R$ 16,5 mil para R$ 26,7 mil. Conseguem ver a diferença? Será que um trabalhador, com um jornada de 40 horas semanais conseguirá fazer, com o aumento de R$ 56,00, a mesma coisa que um deputado federal fará com o aumento de R$ 10.200,00?

Agora pasmem! O custo anual de um deputado é de mais de seis milhões de reais, segundo a Organização Transparência Brasil.
Abaixo alguns custos:

– Auxílio família: cada um dos 513 deputados recebe R$ 3 mil por mês;
– Custos com telefone: R$ 4,2 mil;
– Gastos para escritório nos estados: R$ 15 mil;
– O custeio para passagens aéreas é de no mínimo R$ 4,4 mil, chegando a R$ 16 mil, dependendo do estado de origem do parlamentar;
– Para pagar os assessores parlamentares cada deputado federal tem direito a R$ 60 mil;
– Cada deputado federal tem direito a 14º e 15º salário.

Como mudar essa situação?

 

Fontes: transparencia.org.br; jornaloexpresso.wordpress.com; G1.com.br;

O Fala, Cinco! é mais uma ação da 5TI com o objetivo de estreitar a relação com os nossos clientes, além de transmitir o nosso espírito empreendedor e experiências de mercado. Seja bem-vindo!

Conheça mais sobre a Cinco TI!

Tópicos recentes

Arquivos

avatar Written by:

Be First to Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *